Você é importante?

“Conheço as suas obras, sei que você não é frio nem quente. Melhor seria que você fosse frio ou quente! Assim, porque você é morno,nem frio nem quente, estou a ponto de vomitá-lo da minha boca.” Apocalipse 3:15-16

A vida é muito curta para ser pequena,  banal e inútil.” Mario Sergio Cortella

Há pessoas que não se posicionam, não assumem responsabilidades, são aquelas que ficam no mais ou menos, na amizade, no casamento, no trabalho, entre outros,  são pessoas mornas. Assim, não fazem falta.

Para sentirem sua falta você tem que se ser importante. Esta importância se constrói onde você está, com a forma que se afeta. E esta não se vai com sua morte, pois você será recordada por aqueles para quem foi importante.

Viver é partilhar afeto e conhecimento.

musica

Assim,  pergunte-se qual o sentido do que você faz?

Grata por sua visita sempre bem-vinda

Norma Emiliano

Comments

  • misturebasblog
    Responder

    Interessante a história do muro…Demorou pra abrir,mas deu! Bela reflexão,Norma! bjs, lindo dia! chica

  • Rosélia Bezerra
    Responder

    Bom dia de paz, querida amiga Norma!
    Muito gosto da passagem bíblica que usou para compor seu post.
    Deus vomita os mornos.
    Quando nos entregamos de toda alma, somos ridicularizadas pelos homens (gênero humano) e valorizadas por Deus.
    Ser intensa e verdadeira só nos faz marcantes na vida dos sensíveis.
    Imagem ilustrativa lindíssima.
    Clarice Lispector já sentia também assim, ser tudo no amor, na amizade, no trabalho, na vida como um todo faz dureza na lida, mas é o correto a entrega total do nosso ser, independente da colheita.
    Excelente post!
    Tenha um ótimo dia abençoado!
    Beijinhos com todo meu carinho fraterno

  • chica
    Responder

    Adorei ,Norma e bela reflexão ! Bem lembrado que nossa importância, para aqueles que ela existe, fica pra sempre, mesmo pós morte… Lindo post! beijos, chica

  • Ailime
    Responder

    Bom dia Norma,
    Uma reflexão que faz pensar.
    Um beijinho.
    Ailime

  • Verena
    Responder

    Na vida é preciso saber se posicionar, Norma.
    Saber conduzir o “nosso barco” para não afundar.
    Importante e reflexivo texto.
    Um beijinho
    Verena.

  • Maria
    Responder

    Excelente reflexão.
    Quem passa pela vida, numa atitude de deixa andar, de não se importar com nada nem com ninguém, certamente não deixará saudades.
    Beijinhos

  • rudynalva
    Responder

    NORMA!
    Que bela criatividade.
    Gostei da história.
    cheirinhos
    Rudy

  • Calu
    Responder

    Vejo o correr dos dias como uma coletânea de escolhas, desde as mais simples a mais complexas e, em cada uma delas existe uma posição a ser assumida.São nas posturas assumidas que vamos tracejando nossos posicionamentos frente às várias nuances do viver. Os reflexos deixados em nossa passagem revelam-nos.

    Importante reflexão, Norma.
    Boa tardinha aí.
    Bjos,
    Carmen

  • Majo Dutra
    Responder

    Sou importante para alguns…
    Na minha atividade docente fui importante para muitos…
    Também penso ser algo importante para os amigos virtuais, esforço-me por deixar boas pegadas…
    Gostei de ler e da sua proposta. Abraço.
    ~~~

  • toninhobira
    Responder

    Bom fim de semana Norma.
    Que bela reflexão você trouxe e com esta tirinha ficou bem ilustrada para um ditado tão em voga. Ficar em cima do muro. E são tantas que adoram ficar nesta comodidade e a vida segue seu rumo com ele ali no falso conforto, até que o muro desabe.
    Em tudo nesta vida é preciso posicionar e rever posições. Dar o braço a torcer, quando se percebe, que posicionou errado é uma grande arte da vida.
    E no país que vivemos cada dia se faz necessário tomar posição e atitudes, pois assim contribuiremos para fazer uma verdadeira nação para todos.
    Beijo e muita paz no coração.

  • Majo Dutra
    Responder

    Venho convidá-la a participar da homenagem que fiz a Portugal, pelo seu Dia Nacional.
    Bom fim de semana. O meu abraço.
    ~~~~~

Grata por sua visita sempre bem-vinda.

%d blogueiros gostam disto: