Poetando com

 

 

 

“Sinto mil possibilidades nascerem dentro de mim. Sou sucessivamente travessa, alegre, lânguida e melancólica. Tenho raízes, mas flutuo. (…) Nasci para ser estilhaçada. Nasci para que se riam de mim. Estou destinada a andar à deriva, entre os homens e mulheres de faces contraídas e línguas mentirosas, como um pedaço de cortiça num mar revolto.”

Virginia Wool

**************************************************************************************************************

A vida é um incêndio: nela
dançamos, salamandras mágicas
Que importa restarem cinzas
se a chama foi bela e alta?
Em meio aos toros que desabam,
cantemos a canção das chamas!

Cantemos a canção da vida,
na própria luz consumida…

Mário Quintana

Comments

  • Yasmine Lemos
    Responder

    MARAVILHOSO! só posso dizer que me identifiquei muito
    bjs ótimo fim de semana

  • chica
    Responder

    LINDO,Norma!Adorei a imagem também.Belíssima. Aqui, curtindo o pouco quye falta com o filhão por aqui. beijos,chica

  • anne lieri
    Responder

    Oi Norma! Muito lindas e significativas suas escolhas.bjs,

  • Toninho
    Responder

    Uma seleção forte Norma.
    A primeira é terrivel na definição e na segunda uma chama, que acende a esperança.
    Belas escolhas amiga.
    Bom fim de semana com muita paz e alegria na familia.
    Meu abraço.
    Bjo.
    Favor apagar este comentario que falhou no envio.

  • Adao Braga
    Responder

    Antiteticamente verdadeira!

  • Lucinha
    Responder

    Norma,

    Além do texto lindo, gostei muito dessa imagem que me transmitiu “fortaleza”.
    Um lindo final de semana! Beijos

  • Beth Q.
    Responder

    Norma, que beleza esta imagem, que árvore magnífica!
    Uma linda canção para começarmos bem a nova semana.
    beijo carioca

  • Norma Emiliano
    Responder

    Oi Lucinha e Beth
    Essa árvore é uma das maravilhas do nosso Jardim Botânico.
    bjs

Grata por sua visita sempre bem-vinda.

%d blogueiros gostam disto: