Estranhamento

Uma imagem-140 Caracteres, blogagem coletiva das sextas, realizada pela Mari do blog Devaneios e Desvarios. Sempre uma nova imagem para treinarmos o nossa capacidade de sermos sucintos . Um bom exercício, Participe.

Eu não sei onde estou. Vejo meu pai, porém passei o dia tentando encontrar meu lugar. Arf! Acho que vou ficar por aqui. Que fome! Que sono!

  
 Quando são cuidados
 Gostam de brincar
 De se enroscar
 Comer e dormir
 Vida boa!
  
 Miam quando
 Querem atenção
 São dengosos
 E rosnam 
 Quando ameaçados 

Grata por sua visita sempre bem-vinda.

Norma Emiliano

Comments

  • chica
    Responder

    Coitadinho, até desorientado está! Linda inspiração! beijos, ótimo fds! chica

  • verena
    Responder

    Coitadinho, Norma
    Vai ver “o pai” mudou para São Paulo…rs
    Meiga leitura,
    Abençoado fim de semana
    Beijinhos
    Verena.

  • Ailime
    Responder

    Boa noite Norma,
    O gatinho com tanta fartura até ficou grudado na comida;))!!
    Magnífica sua inspiração em prosa e o poema muito terno.,
    Beijinhos e um ótimo fim de semana.
    Ailime

  • Rosélia Bezerra
    Responder

    Boa noite de muita paz, querida amiga Norma!
    Quanta particularidade dos bichanos!
    Está sem chão, sem o pai, ao mesmo tempo que está literalmente no chão esparramado de tão empanturrado que está.
    Tenha um adormecer e anoitecer abençoados!
    Beijinhos carinhosos e fraternos

  • Edite Mendes Lima Balbo
    Responder

    Gatinho guloso! Não tem medida no comer . Tadinho dele. Abraços.

  • Majo Dutra
    Responder

    Será que dormiu de papinho cheio, em cima o prato?!
    Excelente participação, Norma!
    Um bom fim de semana, amiga. Abraços.
    ~~~~

  • taislc
    Responder

    rssss, que coisinha mais linda!
    Delícia de postagem,
    um beijinho e uma feliz semana, Norma!

  • rudynalva
    Responder

    Norma!
    Amei a foto e a poesia.
    cheirinhos
    Rudy

  • toninhobira
    Responder

    Belo olhar no felino com bela tradução.
    A solidão pode levar à uma onda de mesmice, a ansiedade vem e se apodera. E o sono traiçoeiro vem para criar uma espécie de relaxamento.
    Belo olhar Norma.
    Beijo

Sua visita e comentários são muito significativos. Volte sempre.

%d blogueiros gostam disto: