Por onde anda o meu amor?

No desenrolar do tempo, a imagem perfeita sofre mudanças. De quilo em quilo o conflito com a imagem do espelho. Dietas mis começam a ser percorridas. Remédios milagrosos administrados.  E entre idas e vindas a gordura incomoda e a arrasta. Muita dor! Perde-se através do espelho. Na história humana, as influências sócio culturais permeiam o […]

Palavra

Em 2010 publiquei este post, mas não foi comentado, assim resolvi republicar e refletir  sobre o que alterou em mim, No livro  Comer, Rezar e Amar há uma referência ao fato de que “toda cidade tem uma única palavra que a define, que identifica a maioria das pessoas que mora ali. Se você pudesse ler […]

Fragmento de um percurso

Na clínica sistêmica valora- se as histórias pessoais, interrelacionais, para o processo do autoconhecimento e liberação dos nós. Fragmento de um percurso Até onde se recordava, a infância em família, as brincadeiras com amiguinhas da vizinhança eram boas. Porém, também tinha lembranças de suas brincadeiras solitárias com suas bonecas, representando papel de professora e vestida […]

Somos dançarinos

Vivemos e contamos nossas histórias, elas nos revelam. No livro A Dança de Oriah M. Dreamer. no quarto capítulo encontra-se o seguinte: Conte-me uma história sobre quem você é, e veja quem eu sou nas histórias que estou vivendo. p. 69 É a partir do que contamos que surge a possibilidade de observarmos que sempre […]

Elementos da natureza

E nós Nós somos parte da natureza e ela é parte de nós . Eles ajudam ao autoconhecimento. Escolhi alguns fragmentos de livros, referenciados abaixo, sobre o tema. Você se identifica com qual? “Diz-me qual é o teu infinito e eu saberei o sentido do teu universo. é o infinito do mar ou do céu, […]

O cultivo

” Tem horas que a única coisa que posso fazer por mim é escrever. Fazer um pouco de carinho em mim. ” Bartolomeu Campos de Queirós Nascer é um ato extremamente arbitrário, assim morrer e ambos são essencialmente individual. “(…) Só posso nascer do meu parto e só posso morrer da minha morte.” Bartolomeu Campos […]

Como encontrar o equilíbrio?

Para o bem estar, para estar feliz. Nunca se relacionara  bem com a mãe, mas sempre desejou ser mãe e teve o primeiro filho. Mas com a maternidade não se reconheceu mais. Sua alegria, disposição diminuíram sensivelmente. Sente-se num casulo, estranha, apenas o filho lhe dá motivação. O nascimento foi traumático, passou situações de muita […]

Circulo vicioso da violência

“Algumas mulheres querem acreditar que, por trás da crueldade,  se  esconde o amor, para não enlouquecerem de dor” Nina George O atendimento  psicoterápico com indivíduos, que têm em sua história familiar a violência, comprova como a dor de filhos pequenos de pessoas crueis fazem de tudo para serem amados por eles e consideram-se culpados pelos […]