Dançar

Dançar é ser quem realmente somos e viver de acordo com os desejos da nossa alma”. Oriah Moutain Dreamer. Se não estivéssemos tão empenhado Em manter nossa vida em movimento, E pelo menos uma vez Pudéssemos não fazer nada, Talvez um enorme silencio Pudesse interromper a tristeza De nunca entender a nós mesmos E de […]

Chama da vida- 13

E vamos a participação da querida Anete que nos presenteia de forma poética, A Chama Da Vida O Vida & Plenitude homenageia com todo carinho a Norma, nos seus 70 anos! Ela é uma pessoa amável, sincera e exerce com intensidade a sua bonita profissão de psicóloga. Cuida da alma com ternura e fala nas […]

A chama da vida 10

As blogagens nos aproximam e trazem novas interações, a participação de hoje é da amiga Dina  do blogandocoletivamente. Viver e Sorrir   Não se contente apenas com o viver, é preciso harmonia e desprendimento. Solte as amarras, faça do seu sorriso a arma da conquista. É isto que falta em nossas vidas… Um sorriso largo, aquele […]

Chama da vida- 7

Verena Niederberger Com seu olhar poético e gestos de gentileza vem com seus desejos nos brindar com sua participação Desejo a Você Um aniversário cheio de paz… Que os sentimentos mais puros se concretizem em gestos de bondade, e o amor encontre abertas as portas do seu coração. Que você possa guardar desta festa as […]

Eu e o (a) Mar

  Amo o mar. Na infância, na adolescência e parte da vida adulta não o tive próximo, mas em criança foi o despertar da atração. Sentimentos de ambiguidade, atração e medo. Como a vida ele me banha com seu infinito e saí de mim, na alegria e na tristezas, pelos olhos em forma de lágrimas. […]

“A arte de amar”

  Um filme sobre uma grande mulher da história da Polônia (Wisloka)  realizado por uma cineasta polonesa Maria Sadowska;   dramas baseados na vida real. Michalina Anna Wisłocka  (1º de julho de 1921 – 5 de fevereiro de 2005) foi uma médica especializada em ginecologia e primeira sexóloga da Polônia. Seu livro “A arte de amar”, lançado em […]

No seu olhar

O tempo transcorreu, os olhares brilhantes e penetrantes não mais encontra. Acostumara-se no cotidiano ter sempre a sua procura aquele azul que lhe seguia com ternura e se sentia plena.  Sabia que tivera em sua vida um mágico encontro que perdurou por 35 anos. Jovem, sempre havia algum rapaz a sua volta, mas com todos […]

Por onde anda o amor?

Na juventude, normalmente, há a facilidade dos encontros amorosos. Contudo, atualmente, muitos jovens queixam-se da dificuldade de manter uma relação mais continuada. Baum, em seu livro Amor líquido, assinala que  “um mundo repleto de sinais confusos, propenso a mudar com rapidez e de forma imprevisível em que vivemos, traz consigo uma misteriosa fragilidade dos laços […]

Get Adobe Flash player