Série Como me reconheço- 7

Continuemos com a amiga Maria Claudete do blog querosomenteserpoesia que nos revela as dores de sua alma,  sua superação e encontro da espiritualidade.

si-mesmo (1)

 

Começo com essa frase : “Quando tudo dói, a dor não é física… Não é! É na alma!” ( Atribuída à Roberta França, Geriatra).

Esse é o Agora que vivenciava e me recusava a entender…Velha tática de auto suborno que na gíria significa: ir empurrando com a barriga até quando der, seja o que Deus quiser e por aí vai mas, a vida é sábia, viver pela Fé nos mostra caminhos, atalhos convincentes, que pela dor real refletida no espelho que resolvo encarar me impelem ao “Pit stop”!

Sim, se na minha infância a relação entre meus pais me afetou, os momentos felizes hoje vistos com outros olhos foram maiores e compensadores: eu dancei, cantei, brinquei, consegui construir castelos encantados.em sonhos de pura magia criativa num.mundo meu,!

Tive uma adolescência normal, onde meu foco era estudar, ser alguém na cidade grande, namoricos sem compromisso na verdade lembro bem que o casamento não me atraia e cheguei  assim à juventude  e à maturidade sempre buscando uma independência do outro que surgisse na minha vida.

Meus objetivos foram atingidos… lutei, transpus barreiras, pulei obstáculos e me vi vencedora. Tudo conseguido com honestidade e transparência sem atropelar ninguém, mas concorrendo com afinco e dedicação. Hoje percebo que tanto esforço naquela época me afastou do cuidado com minha espiritualidade, aquela energia polarizada me angustiava, só não sabia a causa. Hoje compreendo melhor a importância do AGORA; o passado ficou para trás e o futuro é incerto, por quê tanta ansiedade, tanta angústia,? Os filhos que Deus colocou na minha vida estão resolvidos e seguindo seus caminhos, se me coube a missão de ser esposa, hoje procuro ser mais companheira, solidária e amiga …o tempo urge …o hoje não espera! Sou e sempre serei uma mulher forte, durante a fase oculta para mim mesma me via nessa atitude insensível e sofria por não deixar “a peteca cair”,  como a maioria das pessoas do meu círculo. Sempre contida com os outros, mas transtornada em casa, até o dia em que numa tarde senti a presença forte, inusitada, difícil de quantificar  ou explicar de algo que me envolveu numa sensação de paz absoluta …minha vida foi transformada a partir desse momento, tudo ficou mais claro e fácil de suportar.Vejo-me um ser em busca de renovação interior e as “ coisas” e situações passaram a ter a sua devida relevância, as pessoas, vejo-as com mais humanidade, sem rótulos, mas com a verdade que alcanço em cada uma, o que me passam é o que se reflete nessa simbiose entre seres afins. Por tudo que vivi, o “calo,” tornou-me comedida nas manifestações explícitas de afeto, apesar de ser espontânea, afável e ter boas relações de amizade. Me julgo através de como me vêem e me sentem, e, nesse caminho evolutivo sinto mais carinho pelos que se põem no meu caminho, o meu AGORA, só comporta respeito, humildade e muito, muito amor por tudo, não tenho mais tempo para perder tempo.

Te Agradeço, Norma, por permitir esse momento revelador .

Maria Claudete

IMG-20170728-WA0002

As sombras cegam, mas as dores são reveladores de que há clareiras nas quais a luz pode surgir e a  paz interior se alcançar.

Obrigada Maria Claudete por ter aberto seu coração nos expondo o seu processo de evolução pessoal e espiritual. A ressignificação  através da paz interior nos abre para o AMOR de si mesmo e do outro.

Norma Emiliano

Grata por sua visita e seus comentários.

 

Comments

  • chica
    Responder

    Li com toda atenção e a cada parágrafo mais me encantava com o modo como Maria Claudete se entregou “por dentro”, desnudou 0 seu interior para todos nós. Lindo o caminho que ela seguiu e alcançou. Parabéns! Perfeito olhar esse! beijos às duas, chica

  • Valéria Varella
    Responder

    Bom dia a todos!
    Uma bela reflexão sobre como aprender a viver cada fase da vida e ao final sentir uma sensação de dever cumprido, de integridade. É olhar para trás e ter um sentimento geral de satisfação. Que bom! É um texto motivador! Beijinhos

  • Roselia Bezerra
    Responder

    Bom dia de paz, queridas amigas Norma e Claudete!
    Aqui, neste Ágora, verdadeira festa da Norma, obde cada amigo vem somar com carinho e desejo de partilha leal muito de si mesmo, encontro a cada dia, uma beleza rara.
    O terceiro parágrafo, Claudete, está escrito como que por mim… impressionante!
    Os filhos que Ele me emprestou estão devolvidos… eram deles…
    Sim, vivemos e somos essa simbiose de seres afins… e muito afins bonitos, certamente temos encontrado neste mundo virtual, querida.
    Nosso sabe o que nos agrada e faz bem, buscamos no outro o que nos faz falta, é muito mais o que recebemos do que damos, mesmo nesta simbiose fraterna que nos une pelo Amor.
    A renovação também faz parte de mim que até preferia a estabilidade, mas Deus não me permite acomodar…
    Creio que, pelo que li aqui, a você Ele também transmuta , com suavidade.
    Confirmo que minha amiga é muito afável e espontânea. Que bonito ser assim!
    Estou como você, amiga: não posso perder mais tempo. O que nos reste seja para no Amor de Cristo Jesus sermos e fazermos felizes a quem nos cerque.
    Sejam ambas felizes e abençoados por Deus!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

  • toninhobira
    Responder

    Depois de ler a Claudete, sim senti como diante de um livro que começamos a ler às vezes muito sem interesse e logo vamos nos mergulhando na escrita e vem a sofreguidão a cada revelação de sua travessia, que creio tem muito do que vivi e hoje vivo. Claudete lendo aqui posso imaginar sua emoção neste desnudar-se, talvez até com um pingo de lágrima que é normal, quando nos sentimos à vontade para abrir as comportas de nossa represa e desaguar. A vida aqui bem dividida em fases, do encantamento fantasioso, do florescer da vontade responsável, do cumprimento do dever assumido e por fim a do ser eu. Muito profundo e até emocionante, chegar à este estágio do “AGORA”, onde sabedoria e experiencias se aliam, para alicerçar o ser, no buscar o que melhor lhe faz como pessoa sem estereótipos dentro da razão com a alma em festa e consolidada na espiritualidade. Querida amiga Claudete isto é estar de bem com a vida de dentro para fora e assim por certo vem junto, tolerância, gentileza, delicadeza e um olhar muito mais poderoso, para com todas as coisas desta vida. Muito bom amiga vir e sentir esta força que emana de sua declarada forma de estar de bem contigo.
    Norma que beleza sua ideia aqui enfático em dizer a cada postagem desta série, pois vejo que as pessoas captaram e se desvestiram e trouxeram além do espelho, os que elas são.
    Carinhoso abraço para vocês.

  • Ailime
    Responder

    Boa tarde Norma e Claudete,
    Um texto muito bom bem revelador da evolução de Claudete ao longo da sua vida.
    Gostei de saber mais sobre esta querida amiga.
    Beijinhos para ambas.
    Ailime

  • Norma Emiliano
    Responder

    Finalizando, com chave de ouro este dia agradecendo a Maria Claudete por sua sincera e expressiva participação e as todos que estiveram envolvidos através dos comentários. Posso dizer da minha felicidade pela confiança depositada por vocês na minha proposição.
    Tivemos, assim a nossa ultima participação, mas convido a todos para o fechamento amanhã.
    ” Tudo é avanço e transformação, acúmulo de experiência, dores do parto de nós mesmos, cada dia refeito.” Lya Luft
    Até amanha.

  • maria claudete ferreira herculano batista
    Responder

    Obrigada a todos e desculpem só ter podido passar agora, emoção pura ..às lagrimas sem pudor. Muito carinho , Norma.

  • Celina Silva Pereira
    Responder

    Lindo seu texto, Maria Claudete, revelando-nos sua história, sua caminhada, suas recordações alegres e seu sofrimento e dores, seu crescimento e sua chegada à paz interior. Obrigada por estar conosco.
    Obrigada por nos trazer neste círculo, Norma, para trocarmos nossos sentimentos e histórias, para nos revelarmos e ouvir-nos mutuamente.

Sua visita e comentários são muito significativos. Volte sempre.

Get Adobe Flash player
%d blogueiros gostam disto: