Quando a criança é o problema?

 

Retrospectiva-  IV Encontro Fluminense de Terapia Familiar-  Ecos do  IX Congresso

Quando a criança é o problema? Terapia de casal e família -o limite em questão.
Ana Cristina Bechara Froés Garcia
Vera Aparecida Pavan Erthal Risi

Este trabalho propõe discutir o atendimento infantil, com foco Familiar Sistêmico, que envolve a seguinte questão: Quando a criança é o problema da família?

O atendimento de casal e família, com suas novas organizações, apontam para a criatividade e flexibilidade na abordagem sistêmica. O terapeuta de família pode buscar recursos dentro e fora do consultório, ampliando   o setting terapêutico. Contratos de proteção à criança em risco, como ocorre nos casos de violências, separações letigiosas e alienação parental, são recursos valiosos. No processo terapêutico, a participação dos pais, familiares e outros profissionais é fundamental para seu sucesso.

Fonte: Livro de resumo do IX Congresso de Terapia Familiar/ 2010

Comments

  • manuel marques
    Responder

    As crianças não têm passado, nem futuro, e coisa que nunca nos acontece, gozam o presente …

    Beijo.

    O meu abraço solidário para o povo brasileiro.

    Bom fim de semana

  • Toninhobira
    Responder

    Para nós soa doído a expressao criança ser um problema, mas saber que isto tem desmoronado lares e vida dói ainda mais. Que os casais saibam buscar a orientação devida na hora precisa.ABraço a voces pela generosidade.

  • Adri
    Responder

    Gostaria que você postasse algo falando de quando a criança domina a vontade dos pais e passa a ser o centro do lar ao invés deles.
    Beijo
    Adri

  • Liliane Carvalho
    Responder

    Norma.
    muitos lares desmoronam e as crianças precisam tanto de atenção, não é?
    acho precioso o trabalho dos psicólogos que buscam proteger as crianças.
    beijos

Sua visita e comentários são muito significativos. Volte sempre.

Get Adobe Flash player
%d blogueiros gostam disto: