A professora de piano

3 com isabelle hupert em a professora de piano (1)

Filme (baseado no livro de Elfriede Jelinek)   lançado em 2001, sob a direção de Michael Haneke, com  Isabelle Huppert, Benoît Magimel e Annie Girardot,  tem uma temática complexa.

Sua trama enfoca a  professora Erika Kohut (Isabelle Huppert)  que apesar de brilhante não se desenvolve profissionalmente e aos 40 anos divide a residência e a cama com a mãe, apresentando uma personalidade sádica com seus alunos e frustrada sexualmente com impulsos masoquistas de automutilitação.

Sua relação com a mãe, mulher castradora, é conflituosa, pois ao mesmo tempo que a irrita, acaba se submetendo às suas exigências. Contudo, um dos alunos Walter Klemmer (Benoît Magimel) se apaixona por ela  e acaba despertando-lhe desejos de realizar suas fantasias com jogos perversos. Mas  sair do controle (amar) a desorienta e  pratica  uma outra automutilação.

É um filme forte que choca e prende o interesse para aqueles que se interessam pelo comportamento e personalidade humana.

Se desejar ler uma análise com o enfoque psicanalista clique aqui

” Uma das fortes marcas desse filme, penso ser o tom clínico e propositalmente cheio de reticências e que insiste em nos fazer ocupar a posição de analistas” Graças Nunes.

Imagem Net.

Norma

Comments

  • chica
    Responder

    Um tema forte, prrofundo e dá muito pano pra manga ao nos aprofundar nele! bjs praianos,chica

  • Anete – Vida & Plenitude
    Responder

    Creio que seja um bom filme! Psicológico e cheio reflexões para os nossos dias. A vida com as suas perplexidades, complexidades…
    Um abraço e boa 5ª feira…

  • toninhobira
    Responder

    Pela sintese deve ser muito bom o filme com fortes cenas e emoções nesta relação que precisa sempre ser analisada e reinventada.
    Valeu Norma.
    Bjs

Sua visita e comentários são muito significativos. Volte sempre.

Get Adobe Flash player
%d blogueiros gostam disto: