Poetando

index

Voo do passarinho

Dia cinzento

Gotículas chorosas

Deitam ao solo

O frio encolhe

Os corpos.

*

A mente  encoberta

Se deixa levar

Pelo cenário

E esparrama

A tristeza.

*

Dia e mente

Alinhadas num

Só sentido

Fecham-se

Para o por vir.

*

O passarinho

Transita e canta

Nada lhe afeta

*

Abre asas

Voa sorvendo

A inteireza  deste

Dia.

Foto Net

Grata por sua visita

Norma Emiliano

Comments

  • chica
    Responder

    Muito.linda poesia e inspiração .

    Eu dentro do avião ,esperando sair nosso vôo…
    Bjs,chica

  • Norma Emiliano
    Responder

    Bom regresso Chica. Por aqui chove e está frio. bjs

  • Majo Dutra
    Responder

    Sou das pessoas muito sensíveis a dias como o que descreveu, fico realmente triste se estiver só. Sorte a do passarinho…
    Um poema tocante.
    Bom fim de semana.
    Beijos
    ~~~

  • toninhobira
    Responder

    Voar como pássaro num infinito azul e se o dia se tinge de cinza , ele alça voos mais alto e distante e sabe da felicidade de poder voar. E a poetisa a olhar se encanta neste eterno desejo do homem e os versos vem consolar.

    Bonito poema amiga na sua inspirada fase.
    Beijo e bom domingo.

  • Roselia Bezerra
    Responder

    Boa Tarde de paz dominical, querida amiga Norma!
    Hoje está um dia cinza e chuvoso por aqui e eu procuro voar nas palavras para a felicidade polir e não a deixar entristecer em mim.
    Tenho um filho adoentado…
    Muito bontio seu poema e seu jeito humilde de poetar.
    Tenha dias abençoados!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

  • taislc
    Responder

    Oi, Norma, dias assim gosto de ficar em casa, bem que nosso país tropical, esses dias passam logo, dão uma trégua e voltam mais um pouco. Triste é ver o inverno no Canadá, ando vendo muitos documentários dos imigrantes brasileiros que estão indo para lá… o inverno é terrível, assustador, depressão direto! E por longo tempo.
    Gostei do teu mimoso poema, mas lembrei do frio intenso, tudo acinzentado…
    Beijo, uma ótima semana.

  • Norma Emiliano
    Responder

    Tais quando estive no Canadá tive um guia brasileiro que falava sobre o período do inverno e da incidência, neste período, de pessoas depressivas. É uma realidade, um pouco distante de nós do Estado do Rio de Janeiro cujo inverno se confunde com outras estações, devido ao aquecimento global.

  • Maria Luiza Saes de Rezende
    Responder

    Uma graça ler seus versos, Norma que estão revelando os dias por aqui. Frios, cinzentos, com gotículas chorosas que deitam ao solo. Sem passarinhos, porém! Abraço afetuoso!

Sua visita e comentários são muito significativos. Volte sempre.

Get Adobe Flash player
%d blogueiros gostam disto: