Paz

A humildade a gentileza  são  caminhos de PAZ

Um conto de Monteiro Lobato

Gato Vaidoso

“Moravam na mesma casa dois gatos iguaizinhos no pelo mas desiguais na sorte. Um, amimado pela dona, dormia em almofadões. Outro, no borralho. Um passava a leite e comia em colo. O outro, por feliz, se dava com as espinhas de peixe do lixo.

Certa vez, cruzaram-se no telhado e o bichano de luxo arrepiou-se todo, dizendo:

– Passa ao largo, vagabundo! Não vês que és pobre e eu sou rico? Que és gato de cozinha e eu sou gato de salão? Respeita-me, pois, e passa ao largo…

– Alto lá, senhor orgulhoso! Lembra-te de que somos irmãos, criados no mesmo ninho.

– Sou nobre. Sou mais que tu!

– Em quê? Não mias como eu?

– Mio.

– Não tens rabo como eu?

– Tenho.

– Não caças ratos como eu?

– Caço.

– Não comes rato como eu?

– Como.

– Logo, não passas dum simples gato igual a mim. Abaixa, pois a crista desse orgulho e lembra-te que mais nobreza do que eu não tens – o que tens é apenas um bocado mais de sorte…”

Monteiro Lobato –  Fonte

 

Somos todos iguais as vaidades geram competições e maus tratos. ”

“Dar ao próximo alegria,
parece coisa tão singela
aos olhos de Deus, porém,
é das artes a mais bela”

Alberto Costa

Norma Emiliano

Grata por sua visita

Comments

  • chica
    Responder

    Muito bom esse conto e relembrar valores… Há quem esqueça e SE ACHE muito superior…Até os candidatos deveriam ser lembrados disso! beijos, lindo fds! chica

  • Roselia Bezerra
    Responder

    Bom dia, querida Norma!
    Estou tão em paz que já comemorei ontem… rs
    aAmei a fábula e concordo que somos apenas pó… apesar que nos acharmos pó áureo … barro seco e nada mais…
    muito bonito refletir com seu post que a humildade produz muita paz interior que acalma ao nosso redor .
    Deus te abençoe muito, amiga!
    Bjm fraterno e carinhoso de paz e bem

  • maria claudete ferreira herculano batista
    Responder

    Não conhecia esse conto, mas bem apropriado para os dias que vivemos , onde a soberba de alguns tenta embotar a serenidade dos humildes de coração.bjs

  • Majo Dutra
    Responder

    Que parábola expressiva para comemorar o dia em que se medita na paz!
    Escolhi um tema muito diferente…
    Dias primaveris de Paz e Bem.
    Abraço amigo.
    ~~~~

  • Anete Marques
    Responder

    Que linda “história”! Precisamos mesmo colocar em prática o amor e a singeleza de coração…
    Bom fim de semana… O meu abraço…

  • LUCIA DE FATIMA SILVA
    Responder

    Um conto que nos traz uma profunda reflexão acerca dos valores, da humildade, simplicidade e do respeito às diferenças, qualquer que sejam elas.
    Beijos carinhosos

Sua visita e comentários são muito significativos. Volte sempre.

Get Adobe Flash player
%d blogueiros gostam disto: