Pausa poética

 

 nuvens

                                                                          Imagem Internet

 

Canção do dia de sempre

 

Tão bom viver dia a dia…
A vida assim, jamais cansa…
Viver tão só de momentos
Como estas nuvens no céu…
E só ganhar, toda a vida,
Inexperiência… esperança…
E a rosa louca dos ventos
Presa à copa do chapéu.
Nunca dês um nome a um rio:
Sempre é outro rio a passar.
Nada jamais continua,
Tudo vai recomeçar!
E sem nenhuma lembrança
Das outras vezes perdidas,
Atiro a rosa do sonho
Nas tuas mãos distraídas…

Mario Quintana

O que acha que o autor nos sugere?

Comments

  • Isadora
    Responder

    Oi Norma, bom dia!
    O que o texto me sugere é que vivamos o momento presente, pois a vida muda o tempo todo e a maior parte dessa longa caminhada não é perene.
    Um beijo

  • mara
    Responder

    Norma ….faço especialização em terapia familiar e de casal estou amando. Já estou atendendento as familias na clinica da faculdade.
    as famalias estão perdidas e precisam de auxilio.
    parabens pelo seu lindo trabalho.abraços

  • Beth Q.
    Responder

    Oi, Norma!
    Como bem disse a amiga Isadora, Quintana nos sugere a viver, somente isso, viver e curtir o momento, fazendo parte do cenário que a natureza nos oferece a cada dia gratuitamente.
    beijos cariocas e boa semaninha!

Sua visita e comentários são muito significativos. Volte sempre.

Get Adobe Flash player
%d blogueiros gostam disto: