mala

Companheira

Silvana e Mari, às sextas. com o projeto Imagem – 140 Caracteres. nos desafiam a criar  com limites de caracteres. Imagem proposta é, atualmente, para uso da malandragem pelos corruptos, mas no cotidiano podemos lhe dar outros destinos, entre eles de viagens que nos proporcionam encantamentos e conhecimentos diversos.   Ah! Companheira inseparável, linda e […]

72107l

Pré-Nupcial

    É possível harmonizar as diferenças?   Quantos se direcionam para a vida conjugal com expectativas aguçadas por contos, novelas, músicas que mostram e falam da vida a dois e/ou casamento como o final feliz para os enamorados? A festa, a lua de mel são cartões postais de uma felicidade inebriante, na qual tudo […]

grande-saraiva-na-palma-do-s-da-criança-96608008

Lembranças

Dias 5, 15 e 25 de cada mês  proposta da Chica de nos inspirar. Minha participação  numa viagem no tempo em que  ocorriam com certa frequência chuvas de granizo. A imagens infantis são preciosas, pois nos remetem, principalmente, a algumas características de leveza que quando adultos abandonamos. Das Pedrinhas à infância * Pedrinhas transparentes Caem […]

gossip

Uma reflexão

  Com quem queremos estar?   Viver com o coletivo não é simples. A quem atender: as suas demandas ou as demandas dos outros? O bom seria o meio termo, mas há posturas e decisões que se você “vacila” não consegue o seu intento. Assim sendo, há momentos que se é inconveniente. Quem se afasta […]

0025

Poetando com

Olavo Bilac Velhas árvores “Olha estas velhas árvores, mais belas Do que as árvores novas, mais amigas: Tanto mais belas quanto mais antigas, Vencedoras da idade e das procelas… * O homem, a fera, e o inseto, à sombra delas Vivem, livres de fomes e fadigas; E em seus galhos abrigam-se as cantigas E os […]

174454386

Nossas raízes

Podemos brincar com as palavras, elas têm várias possibilidades de construção. Entrando na roda da amiga Chica que hoje nos sugere uma palavra que aprecio muito, pois me remete às origens, a suporte e, principalmente família.   Quando meu pai faleceu,  perdi minhas raízes momentaneamente. Norma Emiliano Imagem Net

Èalready my gaze is upon the hill, the sunny one,
at the end of the path which i've only just begun.
so we are grasped, by that which we could not grasp,
at such great distance, so fully manifestÑ

and it changes us, even when we do not reach it,
into something that, hardly sensing it, we already are;
a sign appears, echoing our own sign . . .
but what we sense is the falling winds.Ç

Saudações

Uma Imagem- 140 caracteres, projeto das sextas coordenado por Mari e Silvana  que nos desafiam a criar. Viajando na imagem penso no continuum da vida em comparação ao ser humano que precisa se reorganizar para enfrentar cada etapa do seu ciclo vital e, algumas vezes,  com dificuldades. Deixemos partir o inverno e saudemos a primavera […]

pausa

Pausa

    “Eu não poderia, em qualquer idade, contentar-me em  me sentar diante de uma lareira e ficar apenas olhando. A vida foi feita para ser vivida. A curiosidade deve se manter desperta (…)” Eleonor Roosevelt   Até a volta, alguns dias para explorar novos espaços. Imagem Net  

Get Adobe Flash player