Notícias do Encontro

Internacional  de Terapia de Família

482640_146191712231073_1200302449_n

Aconteceu em 24 e  25 /05/2013,   o Encontro programado pela Associação de Terapia de família do Rio de Janeiro (ATF-RJ) , com a presença do convidado Gonzalo Bacigalupe, Presidente da American Family Therapy Academy (2012-2015), que como pesquisador  investiga a adoção da tecnologia  emergente pelas famílias e avalia o papel das comunidades virtuais  de prática de cuidados de saúde e no apoio a pacientes com doenças crônicas e o papel das redes sociais nas relações familiares.

A programação também contou com a presença  terapeutas de família  que apresentaram trabalhos relacionados a temática, além dos momentos de Roda de conversas sobre ações sociais realizadas em vários locais por terapeutas de famílias e a realização de uma Oficina ” Virtualizando as Relações”.

Apresentação do palestrante:

Tecnologia- presente, passado e futuro

Os impactos da tecnologia

Conversa com o s terapeutas

Dilemas terapêuticos e tecnologia como co-terapeuta

Como colaborar no espaço virtual? Identidades pessoais e profissionais, comunidades virtuais.

Obtivemos informações que no campo profissional nos ajudam a trabalhar e no pessoal a nos proteger, pois tudo que vai para Net fica público.

Dos benefícios da tecnologia foi muito interessante vermos com as pessoas que são deportadas mantém contatos visuais com seus parentes e como a tecnologia pode ser usada a favor do tratamento terapêutico, entre outras

Nas trocas, muito do que foi abordado,  no decorrer da nossa série (Famílias e Impactos Tecnológicos), foi  reafirmado pelos participantes em suas experiências. Um aspecto bem enfatizado foi de que a tecnologia aproxima quem está  distante e afasta quem está próximo, por outro lado a necessidade da administração do tempo que favoreça às relações,  integrar o real com o virtual.

Questionamentos

O que não estamos oferecendo nesse mundo aos adolescentes?

Vivemos uma sociedade de excesso, sem privacidade.  Estamos conectados ou enjaulados?

O palestrante ressaltou que a questão não é a tecnologia, mas a sua adoção. Por outro lado, não considera que o desafios dos pais em relação a adolescência e seus receios sejam diferentes dos tempos anteriores, apenas muda o local do real (ex: esquinas) para o virtual (redes).

Enfim, foram dois dias de intensas reflexões e questionamentos. Trouxe para você dois exemplos do compartilhamento e construção dos grupos da Oficina Virtualizando as relações:

Tato, Contato e Contrato

“Conexões
Contratos
Com tato ou
Sem  tato?
Tato?
Com quem?
Equilibrar o mundo real
e o mundo virtual
Eis o nosso desafio!!!
Que esse seja o nosso Cont(r)ato coletivo.”

Verônica Luna
Maria
Aline
Ana Patrícia
Ana Rosa
Elenice

 

Navegar é Preciso

“Em um dia como tantos outros dias um navegador encontra outro navegador e compartilham suas experiências.
– Percebi em uma das viagens situações apaixonamento a distância, de compartilhamento com amigos e familiares, de isolamento afetivo, de medo de navegar e da descoberta da navegação. Navegar é preciso, é necessário e possui precisão.”

Ana Silva
Carolina
Marcia
Ana
Sonia

 

Norma  Emiliano

Comments

  • Norma Emiliano
    Responder

    Oi Luma
    O que ficou mais presente para mim das palavras do palestrante convidado, foi que real e virtual precisam caminhar juntos (integração), neste sentido seu exemplo é perfeito.
    bjs

  • luma rosa
    Responder

    Oi, Norma!!
    Acho que a frase “a tecnologia aproxima quem está distante e afasta quem está próximo” definiu bem o que esteve presente na blogagem. Só precisamos definir o que é “estar próximo”, de “estar distante”; Também acho que muitas famílias passam por momentos em que o diálogo não é possível pois com o tempo barreiras são criadas. Talvez um recadinho pela internet possa reatar corações que o dia a dia distancia 🙂 Beijus,

  • Norma Emiliano
    Responder

    Oi Denise

    O real e o virtual caminham juntos e nossas atitudes vão sendo postas e acolhidas por aqueles que acabam comungando dos mesmos valores. A sintonia por aqui me nutre e estimula.
    bjs

  • Denise
    Responder

    Todas as formas de conhecer, entender e informar, são válidas e necessárias para estudos sérios como esse.
    Bacana tua ideia para participar, fico feliz por teu sentimento de recompensa por lançar a ideia e colher material, mas, principalmente, por comprovar tua influência no nosso meio.
    Já existe um grupo em sintonia por aqui, e isso é maravilhoso!
    Beijos, continue a nos convocar…rsrs

  • Nina
    Responder

    Mt bom Norma, esses encontros sao mt importantes, é preciso discutir mesmo, temas como esse sao mt atuais e ate preocupantes.

  • Beth Q.
    Responder

    Cara amiga Norma,
    Deve ter sido muito interessante, cheio de novidades sobre um assunto extremamente atual e que tem afetado diretamente a família brasileira. Temos que ter um olhar mais atento sobre estas questões, pois não é tema para se descuidar.
    Beijos cariocas dar serra.

  • Teresinha Ferreira
    Responder

    Olá Norma,
    Este é um assunto muito interessante. Sabendo usar da forma correta é deliciosamente interessante. A orientação é fundamental para desfrutar dessa ferramenta tão rica em detalhes.
    Beijos mil.

  • Norma Emiliano
    Responder

    Oi Toninho

    A participação de vocês foi a base, representações diversificadas importantes para minhas reflexões e mesmo entendimento mais próximo do que o palestrante nos trouxe de outras realidades.
    A NET traz uma riqueza de informações e a blogosfera uma diversidade que me fascina e me estimula a permanecer na roda. Agradeço sempre a todos que aceitam meu convite e me acolhem nas minhas ideias, permitindo assim meu pertencimento.
    bjs

  • Toninho
    Responder

    Posso imaginar o entusiasmo de voces especialistas nesta roda.
    Pontos interessantes de questionamento e analogias colocados.
    Gostei desta relação Esquina x Rede.
    Grato Norma por mais esta generosidade.
    E creio que nossa participação foi muito interessante(para voce) como esboço para este encontro.
    Uma linda semana e grato sempre pela atenção e carinho.
    Meu terno abraço.
    Bjo.

  • Norma Emiliano
    Responder

    Oi amigos e amigos.

    Este tema é para trocarmos, refletirmos na busca de uma forma que a adoção da tecnologia se incorpore a nossas vidas produtivamente, sem que se perca o foco da importância dos afetos e toques que são vitais para saudável vida humana (física e mental).

  • anne lieri
    Responder

    Oi Norma!Deveriam ter mais encontros como esse para educadores tb.Nos dias de hoje é essencial conhecer os perigos e boas coisas da rede.Bjs e boa semana!

  • Yasmine Lemos
    Responder

    O virtual é uma realidade e o real está bem cansado de ser usado.
    beijo grande

  • Astrid Ananbelle
    Responder

    Ando precisando de terapia Norma… kkk …agora troco todas as letras de lugar…veja assinei meu nome errado.. o certo é ANNABELLE

  • Astrid Ananbelle
    Responder

    Que bom não é Norma? Parabéns por todo este trabalho! Gostei de ter participado e gostei mesmo.
    Um beijo grande
    Astrid Ananbelle

  • Élys
    Responder

    Eventos como este, sempre, trazem um grande aproveitamento para os que dele participam.
    Um grande abraço.

  • Adao Braga
    Responder

    Felizmente aqui em casa a tecnologia é bem usada, utilizada. A tecnologia é uma coisa, e como todas as coisas, devem ser usada para satisfazer as pessoas, as famílias, as corporações, as empresas, e, é até estranho, mas, qualquer coisa, que interfira em nossa família tem sido abandonado. Se não serve para agregar, não permanece.

    Parece ter sido muito proveitoso o evento. Parabéns!

  • Carolina Tavares
    Responder

    O Encontro foi muito bom Norma. Provocou em mim inúmeros questionamentos e acho que será decisivo na construção de minha tese.

    A equipe toda está de parabéns.

    Beijos em ti e uma boa semana.

Sua visita e comentários são muito significativos. Volte sempre.

%d blogueiros gostam disto: