Do verão ao outono

Março de 2020, confinamento, solitude que nos remeteu muito mais ao si mesmo, nunca antes  por mim experimentada, nos meus 72 anos. Há um ano quando o mundo parou houve a ilusão de que não seria tão prolongado. Gerir o próprio dia sem as interações habituais tornou-se, além de evitar o contágio do vírus, um […]

Espelho, espelho meu…

O gosto pelo cuidado comigo mesmo existe desde a puberdade, acho que por influência da minha mãe e avó paterna, que mesmo com simplicidade se percebia (corte de cabelos, roupas limpas e cheirosas). Contudo, quando fui morar no interior (por 13 anos) comecei a me preocupar com a aparência, maneira de vestir e acessórios, hábito […]

Espírito de coletividade

Vivemos na coletividade. Alguns ou muitos não se importam com isto. Por que há tanta dificuldade para ações que não condizem com o bem-estar coletivo? A  pandemia escancarou muitos dos problemas que o mundo vem enfretando por causa do individualismo exagerado, da falta do sentido do coletivo. Assim sendo, até o que era considerado normal,  hoje, […]

Carnaval que chega!!

“A memória guardará o que valer a pena. A memória sabe de mim mais que eu; e ela não perde o que merece ser salvo.”Eduardo Galeno Lembro-me de uma época que para mim era um frisson. No aproximar da festa sentia uma agitação interna. No sábado, amanhecia com muita alegria. Eram três dias de euforia. […]

Intuição materna

Alguns encontros de imediato revelam o padrão relacional. Perceber e não crer, transforma o que seria cuidar na permissão de que as ervas daninhas tomem conta do canteiro do amor. As histórias contadas revelam quem se é Mônica e Agenor se conheceram num espaço comum que freqüentavam, de segunda a sexta, como estagiários. As conversas […]

A casa amarela

“O importante não é a casa onde moramos, mas onde, em nós, a casa mora.” Mia Couto Houve uma época, numa rua de subúrbio no Rio de Janeiro, em um sobrado amarelo, com sacadas, grande terraço, varanda, jardins e quintal, residia uma família composta de 9 pessoas entre a família nuclear (pai, mãe e 3 filhas), […]

Um novo olhar

“De repente do riso fez-se o pranto Silencioso e branco como a bruma E das bocas unidas fez-se a espuma E das mãos espalmadas fez-se o espanto.” Vinicius de Moraes   Dezoito anos de vida em comum desfeita com muita mágoa e insegurança. Nos primeiros meses sentiu-se sem rumo. Aos poucos, começou a cuidar da […]

Encontro de família

A família de origem é um reduto das memórias e, sempre que acontecem encontros, mergulho nas histórias e retorno nutrida. Ter oportunidade de troca de conhecimento com minhas irmãs e compartilhar com a geração descendente, me favorecem  confirmar a força invisível das lealdades familiares e da importância de olhar com clareza o que devemos sustentar […]