Blogagem coletiva- Colorindo a Vida

GATO_B~1

Google Imagem

O BRANCO EM MINHA HISTÓRIA

 

Respeito aos animais

 

A cor branca reportou-me a minha infância. Lembrei-me da casa em que morava aos 6 anos de idade e de tudo mais que fez parte desta etapa da minha vida.   

 

casas_antigas_r

 

Fase  de muitas brincadeiras e rodeada de pequenos e queridos animais,  entre eles a “branquinha”, uma gatinha. Que boas recordações!

 

82793250

 

O nosso   encontro foi por acaso. Num inicio da noite, quando eu brincava na varanda da casa,  ouvi um barulhinho no canteiro e fui ver o que ali acontecia. Olhei! comecei a gritar por minha mãe, que rapidamente me acudiu. Mostrei- lhe, com os olhos arregalado,  a cena que se descortinou quando puxei os arbustos. Uma gata lambia o filhote ainda molhado. Minha mãe, afastou-me dizendo que ela estava limpando o seu filhote e que mais tarde nós poderíamos voltar para vê-los.

Fui para dentro, tomei banho e ansiosa pedia a minha mãe para buscarmos o gatinho. Destes acontecimentos muitas perguntas surgiram, fazendo com que minha mãe me falasse sobre gestação e nascimento dos gatos, cujo o parto, geralmente, ocorre a noite, sem a ajuda de terceiros.

Foi amor à primeira vista, essa gatinha foi minha fiel companheira de infância e começo da adolescência. Posso dizer, inclusive, que com ela comecei a observar a face da PAZ. Você já observou os felinos enquanto dormem? Eles têm uma expressão tão tranquila que chega a contagiar.

 

gatonopi

 

Bem, como na vida tudo tem um fim, após 12 anos de convivência minha branquinha foi atropelada e morreu. Mas como você já deve ter percebido, ela me trouxe uma agradável experiência com os animais, pois vivi num local em que ela podia se movimentar e correr pelos telhados e ao mesmo tempo participar do nosso afetuoso cotidiano. Cabe aqui acrescentar que o meu amor aos animais,  não me permitiu proporcionar as minhas filhas esta convivência tão próxima,  por considerar o apartamento, local onde  morávamos, impróprio para os animais e para uma convivência saudável entre eles e o ser humano.

Norma

E você, qual é a sua  experiência com animais domésticos?

Comments

  • Açuti
    Responder

    Oi Norma,
    Nossa tive um gatinho lindo, o Yule, mas infelizmente na época morava sozinha, tabalhava e fazia faculdade e ainda morava nun “apertamento”…tadinho, eu o amava…muito mesmo…por isso deixei-o ir para uma familia mesmo…que tinha filhos e que eu sabia que cuidaria muito bem dele…
    Sinto saudades!!!
    Lindo seu post, viu!!

    bjksss cor de paz…tenha uma excelente semana!

  • Norma Emiliano
    Responder

    Açuti

    Como é bom compartilharmos nossas recordações!
    Obrigada pela visita, volte sempre. As trocas nos enriquecem em muitos nívéis.
    bjs

  • Tati
    Responder

    Oi Norma, acabei de te descobrir. Pena que no último dia, mas ainda temos muitas histórias para contar, não?
    Eu também tive uma infância rodeada de animais, muitos cães, alguns gatos (na adolescência) e até um cavalo. Até agora não pude proporcionar o mesmo para meu filho, de 5 anos, pelo mesmo motivo que você menciona, também moro em apartamento e acho triste animal preso. Mas espero mudar esta realidade em breve!
    Um beijo.

  • Norma Emiliano
    Responder

    Certamente, ainda teremos muito para compartilhar.
    Obrigada pela visita, você é muito bem-vinda.

Sua visita e comentários são muito significativos. Volte sempre.

Get Adobe Flash player
%d blogueiros gostam disto: