Beleza/Efêmero

Blogagem coletiva proposta pela Chica , nos dias 5, 15 e 25 de cada mês, modalidade livre, o que importa é criar. Hoje a imagem proposta e colorida, sugere um canteiro florido.

 

Minha participação.

As flores
 São belas.
 Muitas formas
 Cores e perfumes.

 Algumas vingam
 Ao relento.
 Outras só com 
 Cuidados.
  
 Todas são bem-vindas
 Colorem os caminhos
 Todas nos ensinam
 Que tudo é 
 Efêmero. 
Participe, conheça as demais participações. 

Grata por sua visita e/ou comentários
Norma Emiliano

Comments

  • Rosélia Bezerra
    Responder

    Olá, querida amiga Norma!
    Nossas amigas as flores que fazem festa só ao nos verem passar.
    Esteja bem, amiga.
    Beijinhos

  • Anete
    Responder

    Bonita e profunda participação. As flores são mesmo tão passageiras e sublimes…
    Meu abraço…

  • Marilene Duarte
    Responder

    Há verdade e beleza em seus versos Norma, tornando rica sua participação. A efemeridade não prejudica o encantamento delas. Bjs.

  • Celina Pereira
    Responder

    Linda e verdadeira sua poesia, Norma.
    Estamos sujeitos à tirania do tempo.

  • Catiaho
    Responder

    A Chica sempre
    agitando a gente.
    Adorei aqui,
    mas não vi onde
    posso seguir seu blog.
    Adorarei sua visita
    lá no Espelhando.
    Bjins
    CatiahoAlc.

  • Élys Vianna Gomes
    Responder

    Retorno após um tempo de descanso.
    Gostei da sua poesia.
    Um abraço.
    Élys.

  • toninhobira
    Responder

    Linda analogia Norma, a vida é fugaz e as flores pelos caminhos nos mostram constantemente o quanto temos brilhos antes de apagar e que devemos brilhar o máximo pela travessia. Bonita inspirada participação amiga.
    Boa semana leve e alegre.
    Beijo e paz.

  • Ailime
    Responder

    Bom dia Norma,
    Lindo seu poema.
    Há flores lindas ao relento e conheço por aqui bastantes e outras necessitam de cuidados.
    Que umas e outras enfeitem nossos caminhos.
    Um beijinho e boa semana.
    Ailime

  • chica
    Responder

    Que lindo,Norma e bem lembraste daquelas que nascem sem cuidados e ainda assim enfeitam tanto. Mesmo as que alguns consideram “inços” ocupam o seu lugar e ajudam a enfeitar caminhos. mas só quem tem olhos de ver e perceber admira! Adorei! beijos, tudo de bom,chica

Sua visita e comentários são muito significativos. Volte sempre.

%d blogueiros gostam disto: