Uma Imagem – 140 caracteres

 

Minha participação no projeto coordenado pela Mari  e Silvana que se revezam postando as imagens.

 

tumblr_lhk6kt5g9J1qgve7so1_500

Seu encantamento é profundo pela leitura. Sente-se sobrevoando sobre outros

tempos e espaços além deste que vivencia em seu feliz cotidiano.

Norma Emiliano

Tags: ,

A Garça Velha

GRA_2_~1Imagem NET

 

 

Monteiro Lobato

 

“Certa garça nascera, crescera e sempre vivera à margem duma lagoa de águas turvas, muito rica em peixes. Mas o tempo corria e ela envelhecia. Seus músculos cada vez mais emperrados, os olhos cansados – com que dificuldade ela pescava!
– Estou mal de sorte, e se não topo com um viveiro de peixes em águas bem límpidas, certamente que morrerei de fome. Já se foi o tempo feliz em que meus olhos penetrantes zombavam do turvo desta lagoa…
E de pé num pé só, o longo bico pendurado, pôs-se a matutar naquilo até que lhe ocorreu uma idéia.
– Caranguejo, venha cá ! – disse ela a um caranguejo que tomava sol à porta do seu buraco.
– Às ordens. Que deseja?
– Avisar a você duma coisa muito séria. A nossa lagoa está condenada. O dono das terras anda a convidar os vizinhos para assistirem ao seu esvaziamento e o ajudarem a apanhar a peixaria toda. Veja que desgraça! Não vai escapar nem um miserável guaru.
O caranguejo arrepiou-se com a má notícia. Entrou na água e foi contá-la aos peixes.
Grande rebuliço. Graúdos e pequeninos, todos começaram a pererecar às tontas, sem saberem como agir. E vieram para a beira d’água.
– Senhora dona do bico longo, dê-nos um conselho, por favor, que nos livre da grande calamidade.
– Um conselho?
E a matreira fingiu refletir. Depois respondeu.
– Só vejo um caminho. É mudarem-se todos para o poço da Pedra Branca.
– Mudar-se como, se não há ligação entre a lagoa e o poço?
– Isso é o de menos. Cá estou eu para resolver a dificuldade. Transporto a peixaria inteira no meu bico.
Não havendo outro remédio, aceitaram os peixes aquele alvitre – e a garça os mudou a todos para o tal poço, que era um tanque de pedra, pequenininho, de águas sempre límpidas e onde ela sossegadamente poderia pescá-los até o fim da vida.
Moral da Estória:
Ninguém acredita em conselho de inimigo.”

Tags: ,

Botando a cabeça para funcionar

Participando do projeto da Chica que acontece nos dias 5, 15 e 25 de cada mês.

 

selo botando cabeça permanente

 

Imagem de hoje

 

Abrir olhos

Nem sempre se consegue ter os olhos abertos. As ilusões, sonhos e carências

são cortinas que não permitem ver com clareza o que acontece no cotidiano.

Contudo, pode haver um tempo de amadurecimento que, aos poucos,  faça

com que o real suplante o imaginário.

Norma Emiliano

Participe. Veja aqui a relação dos demais participantes

Tags: , ,

Poetando com

Carlos Drummond de Andrade

 

banco-vazioImagem Net

 

 

“Por muito tempo achei que a ausência é falta.
E lastimava, ignorante, a falta.
Hoje não a lastimo.
Não há falta na ausência.
A ausência é um estar em mim.
E sinto-a, branca, tão pegada, aconchegada nos meus braços,
que rio e danço e invento exclamações alegres,
porque a ausência, essa ausência assimilada,
ninguém a rouba mais de mim.”

Norma Emiliano

Tags: ,

Uma Imagem – 140 Caracteres

 

Participando do projeto das sextas  coordenado por Mari e Silvana

 

 

mochilão

Em suas viagens sempre encontra tempo para se debruçar sobre a natureza.

Alimento continuum da caminhada diária e segredo de sua felicidade.

Norma Emiliano

Você é sempre bem vindo.

Tags: , ,

Testemunha

764227Imagem NET

*

*

Ali ele se encontra há décadas. Quantas vidas ali estiveram em momentos diversos. Aquele espaço, ora florido, já fora apenas de coberto pela grama.

Juras de amor, brigas, segredos; alegrias e tristeza. Adultos, crianças, idosos, em algum momento ali estiveram. Alguns voltam e outros apenas passam.  Tantos fragmentos de histórias.

 Entre sol, lua, chuvas, noite e dia,  naquele recanto ladeado de flores,  aguarda as próximas vidas.

Li uma reportagem que diz “o som cria pequenas vibrações nos objetos e essas vibrações – mediante o uso de equipamentos adequados – podem ser captadas a partir de um vídeo feito do local.” Aqui

Norma Emiliano

Tags: , ,

Palavras e Imagem

palavras e imagensImagem NET

 

 

Um filme emocionante que traz  um recorte das histórias de dois professores cuja as vidas se encontram prejudicadas. A professora (pintora)  sofre com artrose reumatoide em estado avançado e o professor (ex literário) com alcoolismo exacerbado, sendo avaliada sua permanência na Escola. Ambos são apaixonados pelas suas escolhas: ele da palavra e ela da imagem. Na aproximação, se estabelece uma relação ambígua e uma competição que se transforma numa bela mensagem final.

Veja e tire suas conclusões.

Sinopse

Jack Marcus (Clive Owen)

Dina Delsanto (Juliette Binoche),

 

“Em uma escola secundária, começa uma guerra entre dois professores: Jack Marcus, escritor de sucesso e professor de literatura, e Dina Delsanto, pintora e professora de artes plásticas. Enquanto ele acredita que as palavras são mais importantes do que as imagens, ela afirma a supremacia das fotos e dos quadros. À medida que o embate dos dois se transforma em romance, os alunos tentam descobrir qual linguagem é mais importante.” Site

Tags: , ,

DIF – Violência Contra a mulher.

10422947_390579281125647_6079002811001631521_n

VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER= ENFRENTAMENTO E REPERCUSSÕES

*

 A violência contra as mulheres é crime e a lei prevê punição para quem os comete. 

Passamos o dia de ontem num local lindo, UFRJ, Colégio Brasileiro de Altos Estudos, antiga Casa dos Estudantes, onde foi realizado o evento promovido pela ATF-RJ para comemorar o Dia Internacional da família.
A  Violência contra a mulher foi intensamente debatido através de apresentações que suscitam questionamentos, emoções e muitas trocas

Podemos constatar que existem trabalhos realizados junto a homens e mulheres vítimas de violência, bem como junto aos agressores que precisam do apoio do Estado para serem mantidos.

As estatísticas mostram que esta é uma questão de saúde pública  que afeta física e psicologicamente.

As mulheres sofrem diversos tipos de violência desde o assédio verbal até a morte.

No final, o grupo, em Roda de Conversa, teceu os fios deste dia em relação ao trabalho terapêutico.

Programação:

8:30 às 9:00 – Inscrição e abertura pela presidente da ATF-RJ Vera Risi

9:00 às 9:15 – Apresentação de depoimentos e introdução geral ao tema.

9:15 às 10:30 – PALESTRA – “ENFRENTAMENTO DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR CONTRA A MULHER”

Adriana Mota 

10:30 às 12:00 – TEMA EM DEBATE – “GÊNERO E VIOLÊNCIA”

Cecilia Soares

12:00 às 13:30 – Almoço (oferecido pela ATF)

13:30 às 14:30 – PALESTRA – “MULHERES EM LUTA- VIOLÊNCIA DE ESTADO E AS REPERCUSSÕES NOS FILHOS”

Vera Vital Brasil 

14:30 às 16:00 – TEMA EM DEBATE– “ATENÇÃO E PREVENÇÃO DA VIOLÊNCIA INTRAFAMILIAR E DE GÊNERO: A EXPERIÊNCIA DO INSTITUTO NOOS”

Carlos Zuma

16:00 às 16:30 Coffee Break

16:30 às 18:00 – RODA DE CONVERSA – INTERVENÇÕES E ENCAMINHAMENTOS DE CASOS CLÍNICOS.

Terapeutas de família presentes e comissão científica da ATF-RJ – Maria Cecilia V D Baptista (coord.), Berenice Fialho, Elisa Motta, Florinda Albu e Norma Emiliano.

18:00 às 18:30 – Encerramento e entrega de brindes ATF-RJ

Para ilustrar a questão acrescento ao post um  vídeo com  exemplo clássico  da  agressão doméstica.

Notificar a violência é preciso. Todos  nós podemos contribuir com a defesa dos direitos nas políticas públicas.

Telefone: 180.

Clique aqui e veja a relação das Delegacias de mulheres

Esta é uma questão que permeia a educação, a questão de gênero:  Transformação da sociedade machista em igualitária. Mudanças ocorreram nas modalidades de famílias, mas nas relações dos pares e dos pais com filhos atitudes machistas ainda prevalecem na divisão de papéis e funções.

Norma Emiliano

Tags: , ,

Get Adobe Flash player